fachada de casas com siding vinílico de pvc e tijolinho

Arquitetura americana com fachada de casa em siding vinílico

O projeto desta casa de estilo americano em São Paulo foi idealizado com diversos itens inovadores na arquitetura e design de interiores.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest

Fachada de casas com siding vinílico como esta residência projetada pela POKT Design+Arquitetura trazem diversos benefícios à obra.

Técnica inovadora permite uso em obras novas e reformas

Quando a casa foi idealizada, a primeira sugestão foi construí-la utilizando o steel-frame como estrutura. Isso porque este tipo de construção é o mais comum em casas americanas, partido deste projeto. Também foi sugerido o uso de siding vinílico simulando clapboard e tijolos na fachada. O propósito era o de reduzir os valores investidos na manutenção da casa a médio e longo prazo, algo raramente levado em consideração por arquitetos. Pelo contrário, a impressão é de que não se faz ideia de que casas terão custos para se manterem habitáveis durante sua vida útil.

Casa com siding vinilico aplicado na fachada.

Inicialmente os proprietários não aceitaram muito bem a ideia de uma construção seca, talvez devido a falta de tradição deste tipo de construção no Brasil ou pela falsa impressão de ser um tipo de obra descartável.  Isso porque sempre se mostram casas completamente destruídas após a ocorrência de desastres naturais.  


Vários condomínios em São Paulo não aceitam que se executem obras utilizando o steel frame por considerar que a técnica desvaloriza as casas ao redor

Após o descarte da opção do steel frame, a obra foi iniciada de forma convencional, utilizando-se concreto como estrutura e blocos de cerâmica na vedação.  No entanto os proprietários foram convencidos a manter a temática inicial planejada para a casa.

Com o propósito de manter o estilo inspirado em fachada de casas americanas, procuramos uma fábrica especializada em siding vinílico.  Aliás, esta fábrica mantém forte operação no Chile, que utiliza muito este clapboard como elemento construtivo. Depois de algumas rodadas de consulta sobre a possibilidade da utilização do material em fachadas de alvenaria, chegou-se a conclusão de que não era algo viável nos tipos de obra convencionais do Brasil. 

Não felizes com esta resposta negativa, a equipe da POKT começou a desenvolver, por conta própria, uma técnica nova para aplicar o siding sobre blocos de cerâmica. Afinal, desejava-se muito manter a estética original da casa.

Sobre a instalação do siding vinílico

Ainda que sem saber se a técnica desenvolvida funcionaria, adquiriu-se, no risco, todo o material para a empreitada. Reuniões com especialistas em diversas áreas foram mantidas para chegar a uma alternativa viável de instalação. Testes foram realizados logo depois em partes da casa e, nas primeiras tentativas, começou a ser observado o resultado esperado.

No final alguns ajustes foram necessários para que o conjunto ficasse completo. Arremates ao redor das janelas e cantos de paredes foram criados em conjunto com as peças de fixação originais. Isso para atingir um resultado esteticamente agradável e tecnicamente ideal para os encaixes.

O resultado final agradou a todos os envolvidos no projeto, dos arquitetos e instaladores aos proprietários.  Foram quebradas diversas barreiras em relação à utilização do material no modelo brasileiro de construção civil. Além disso, foi desenvolvida uma técnica que possibilita a especificação do material em qualquer outros tipos de obra. Em síntese, desenvolveu-se uma nova técnica de renovação de fachada de casas em reformas residenciais.

O uso deste material demonstrou ser muito vantajoso por sua longa vida útil. Também contribui ao eliminar a necessidade de repintura constante da fachada.  Ainda mais, o siding vinílico confere uma aparência bem distinta às edificações nas quais é aplicado.

Outros Projetos: